segunda-feira, abril 23, 2007

sombra

arranjei uma colcha
de malmequeres

uns brancos e amarelos
outros amarelos e brancos

além do verde serrilhado
das folhas

e do verde aquoso
do forte caule

sobre a colcha
deixei
cair a sombra

a sombra desta que
sou

à espera da sombra
daquele que
és

m.f.s.

sexta-feira, abril 13, 2007

não sei porque vivo ainda

se vivo

quinta-feira, abril 12, 2007

a primavera em transe

















as cores formas perfumes das flores do Algarve em que vivi estes dias e a que espero voltar no próximo sábado encheram-me de paz
fotografei o que pude
em alguns dias fiz mais de mil fotografias
não só de flores
mas também do que me mostrava uma certa beleza
que a há em quase tudo

quarta-feira, abril 11, 2007

Regresso breve

Voltamos a Lisboa por uns dias. Devemos regressar no sábado, se tudo correr bem.

Nestes dias tenho andado no paraíso...pintando quando quero, vendo as ideias a surgir, fotografando, dando passeios pelo campo.

Nunca pensei voltar tão cedo à pintura.

Não estou totalmente satisfeita com o que tenho feito, mas sinto-me livre, cada vez mais livre de me aceitar como sou, com o meu processo de pintar, as minhas ideias, as minhas "ousadias".

Aqui vão os dois trabalhos que já realizei.

Nada garante que já estejam acabados...




Quanto à escrita, só me saem banalidades.
não conheço as nuvens de maio
carregadas de giestas
nem as águas de abril que
abrem rotas nos rostos
escondidos atrás das
cortinas eclesiásticas

não carrego malmequeres nos
braços
que me
pesam em
dores suspensas

os lírios amolecem em lilases de roxo

vem minha sombra de deuses
vestígio de laguna
vem acordar os olhos das crianças
jogadoras de berlindes

m.f.s.

Alentejo, mon amour

Posted by Picasa

segunda-feira, abril 02, 2007

pétala

subitamente a pétala virou de rumo e
foi pousar na mão do
vagabundo que a
tragou rapidamente os
olhos fechados do
sabor delicioso e
seu perfume

foi um ar que lhe deu

m.f.s.


Raízes



Chuva no quintaleco

Partida

Se tudo correr bem, partimos amanhã para o Algarve. Espero trazer novos escritos, novas fotos, algum trabalho de pintura e chapas para gravura em técnica aditiva. Veremos até que ponto tudo isto não passa de aspirações minhas e o que fizer será muito menos do que desejo...
Devia ser mais realista, talvez.